26/08/2013


Entrevista Stephenie Meyer

3
Olá leitores!!!
Essas últimas semanas foi muito falado sobre a entrevista que a autora Sthephenie Meyer deu, onde ela fala que cansou de Crepúsculo, que tal conferir essa entrevista???


stephenieMeyer_1359768c
A escritora que ficou mundialmente conhecida pela saga Crepúsculo, Stephenie Meyer, está voltando à mídia por conta de uma entrevista que deu ao site Variety. Nele, Meyer diz que, além de já ter superado sua saga de maior sucesso, está cansada deste estilo de literatura e que este não “é um lugar feliz”.
Ultimamente trabalhando mais no cinema, a autora produziu os últimos dois filmes da sua primeira saga de vampiros, uma adaptação de seu mais novo livro, A Hospedeira, e, ainda, outro filme adaptado chamado Austenland, onde contou que “a pressão foi bem menor já que eu não estava por trás do romance original”. Talvez cansada deste trabalho, a autora contou que está mais interessada em literatura fantástica e, mais especificamente, no mundo de Tolkien, ”estou interessada em passar um tempo em outros universos, como a Terra-Média”, contou ao jornalista do Variety.
Apesar disso, Stephenie contou que não está em época de escrever nada novo. Confira abaixo a entrevista (traduzida) completa:

Variety: Que tipo de nome é “Fickle Fish” (Peixe inconstante em tradução livre; o nome da produtora que a escritora está trabalhando)?
Stephenie Meyer: (risos) Meghan Hibbett e eu nos acomodamos nisso, porque não conseguimos encontrar um nome que não tivesse sendo usado. Nós estávamos comendo sanduíches de queijo grelhado e tentamos até “queijo grelhado”, mas descobrimos que outra pessoa já o usava. Nós escolhemos, então, “Peixe inconstante” porque nós “meio que” nos sentimos como um peixe fora d’água.

Variety: Como foi ser uma produtora em Austenland em comparação com Crepúsculo e A Hospedeira?
SM: Houve pressão zero, uma vez que este não era o meu romance. É uma comédia em primeiro lugar, então haveria um monte de risadas. Keri estava grávida de cinco meses e a mulher menos grávida que eu já vi.

V: Como foi no Festival de Sundance?
SM: Eu tinha até uma boa experiência em festivais. Austenland teve boas avaliações e a Sony Classics comprou imediatamente.

V: Que tipo de pressão existia com os dois últimos filmes do Crepúsculo e A Hospedeira?
SM: Foi muito intenso, porque você tem uma imagem mental de cenas e personagens, com base no livro. Meu papel era manter (as coisas) o mais próximo (do livro) quanto possível.

V: “Peixe inconstante” tem mais duas histórias de fantasmas, de Lois Duncan Down a Dark Hall (Por um corredor escuro em tradução livre” e outro do Kendare Blake, Anna Dressed in Blood (Anna vestida em sangueem tradução livre). Qual deles será seu próximo projeto?
SM: Nós estamos muito mais à frente na adaptação Down a Dark Hall e estamos à procura de um diretor. Mas, não estamos apenas fazendo histórias de fantasmas.

V: Que tal um regresso à Crepúsculo
SM: Eu me sinto mais distante [da obra] a cada dia. Estou muito cansada  disso. Para mim, não é mais um lugar para ser feliz.

V: A porta está completamente fechada?
SM: Não completamente. Eu provavelmente faria três parágrafos, no meu blog, dizendo que os personagens morreram… Estou interessada em passar um tempo em outros mundos, como a Terra-Média.

V: Como você está gastando seu tempo nos dias de hoje, tirando a produção do filme Austenland?
SM: Eu estou gastando 75% do meu tempo sendo uma mãe e um ser humano. Eu tenho um filho grande que está na escola, que me faz sentir como se eu tivesse 112 anos. Meus outros rapazes estão na sexta série e oitava série…

V: O que você está escrevendo agora?
SM: Eu diria que eu estou deixando as coisas me levarem.

V: Existe uma grande quantidade de sangue, suor e lágrimas com a escrita?
SM: Isso seria na edição. Para mim, há uma real diversão em escrever porque o mundo é aquilo que você quer que seja. Com um livro, quando você acabou de lê-lo, os personagens vão embora. Mas, quando você escreve, os personagens duram muito mais tempo.

E ai pessoal o que achara???? Comentem...
Beijus
Camila Mazzetto

3 comentários:

Yasmin disse...

Achei que ela foi meio infeliz ao comentar que a maior saga dela não é um lugar feliz...bjos

Estela Gois disse...

É meio estranho que a própria escritora meio que queira ver seus personagens mortos, eu não sou nenhum pouco fã de Crepúsculo mas acho que ela falando assim, para os fãs da saga é meio que uma decepção, como assim a criadora dos personagens que eles tanto amam diz que queria que eles morressem? Não sei o que pensaria se o escritor(a) de algum livro que eu amasse falasse isso. Beijos

Estante de Cristal

Amanda T. disse...

Eu curto a Stephenie, principalmente por conta de A Hospedeira. Adorei saber mais sobre ela!

Um beijo
http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

Postar um comentário

 

Leituras da Cá Copyright © 2009 Girl Music is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez